"Modernidade" ou "Mundanizado" I


Estava aqui em casa, estudando a bíblia e lembrei que eu tinha umas revistas da Escola Bíblica, dai encontrei uma que usamos na classe dos Jovens ano passado..E lendo a novamente encontrei algumas coisas interessantes que resolvi contar a vocês.


Base Bíblica: I Coríntios 9:19-22

"Ao compasso dos tempos mais ancorados na rocha" é assim que devemos está a cada dia e expressa bem o que quero dizer aqui. A questão da contextualização da igreja e, consequentimente, da juventude, tem sido uma fonte de grandes debates hoje em dia. De um lado estão aqueles que crêem que os jovens não devem alterar suas atitudes, liturgia e costumes e de outro lado, estão aqueles que acreditam que se isso não for feito, a juventude perderá relevância e a força para testemunhar. E agora? O que fazer? Como resolver esse dilema? Afinal, como manter a juventude da igreja contextualizada e ao mesmo tempo fiel a princípios bíblicos? Essa é a pergunta que vamos responder a seguir.

1 . Ao compasso dos Tempos.

Primeiramente, devemos definir o que é contextualização e como isso dá na perspectiva bíblica. A palavra transmite o conceito de uma constante adaptação ao meio em que se vive. Em I Co 9:20 lemos: " Procedi, para com os judeus, como judeus, a fim de ganhar os judeus; para os que vivem sob o regime da lei como se eu mesmo assim vivesse, para ganhar os que vivem da lei, embora não esteja eu debaixo da lei".

Assim como a vida de Paulo, esse processo deve ocorrer na vida do jovem crente sem que haja prejuízo de seu testemunho., visando testemunhar melhor do Senhor. A roupa, o jeito de falar e agir são na verdade meios de comunicação e inserção no seu ambiente. Sem que ele imite esses sinais, é bem possível que haja dificuldade de relacionamento e convívio, ficando também assim comprometida a sua mensagem. O grande problema é que com a massificação dos meios de comunicação a contextualização, ou seja, a adaptação ao meio vai acontecendo automaticamente, sem uma avaliação das conseqüências que esse processo pode trazer. Então, a juventude acaba incorporando em seus costumes muitos valores mundanos e modismos de nossa época, que vão além de sua roupa e de seu jeito de vestir.

(Abrindo aqui um parêntese, realmente hoje não dá pra saber mais quem é crente ou não pela roupa, e não estamos falando em extremismo, como características do "coque", ou saia no pé, mas de roupas decentes e coerentes quando se fala de postura cristã. Hoje quase não vemos uma mulher com uma saia e uma blusa, as pessoas estão se esquecendo de que cada ambiente exige uma postura para ele. Por exemplo, ninguém vai ao cartório de bermuda ou de "barriguinha" de fora(que nem pode levantar o braço pq se não ja viu neh!"? e viu mesmo tudo, literalmente), boné? isso nem se fala. Mas porque quando vamos nos apresentar ao rei dos Reis aquele que deveria-mos ter total reverencia e respeito, lembramos logo do lado" Pai" dele e vamos de qualquer maneira?).

Na busca de contextualização, há na verdade uma "mundanização". Quando falamos "ao compasso dos tempos" reconhecemos que a contextualização é importante, além de ser inevitável, pois diariamente somos chamados a opinar sobre os mais diversos e controvertidos temas e não podemos nos furtar a dar nossa contribuição.

Para que isso seja feito biblicamente, necessitamos entender melhor este processo para não comprometer nosso testemunho cristão. A seguir, dois significados do que é andar ao "compasso dos tempos"

1. Conhecer melhor o nosso tempo.

Conhecer melhor nosso tempo quer dizer mais do que se preocupar com detalhes com o uso de piercings, plásticas estéticas, tatuagem e tantos outros modismos atuais. Significa entender melhor a nossa realidade como jovens e a melhor maneira de alcançar um amigo não crente, apresentando os princípios bíblicos em oposição à cultura secular dominante. É também entender que os jovens sem Cristo estão vivendo num mundo de vazio sociais, morais e emocionais. As conseqüências desta situação podem ser observadas na maneira fútil como muitos jovens tratam a vida, não lhe dando o valor devido.

Quando conhecemos melhor o tempo em que vivemos, podemos ajustar nosso testemunho às necessidades atuais e aproveitar melhor as oportunidades. Para combater o vazio social, podemos mostrar que Deus se preocupa com a exclusão e que ela não faz parte de Seus planos. Contra o vazio moral podemos esclarecer que isso é conseqüências de uma falta de absolutos e de uma relativização de verdade.. Contra o vazio emocional, podemos apresentar Jesus. Aquele que nos ama incondicionalmente. A compreensão e aceitação do amor de DEUS traz solução para todos dos traumas.

Assim sendo, não é possível imaginar que tendo as respostas para todos estes males, nós jovens evangélicos, estejamos nos comportando da mesma foram que o mundo. Isso realmente não é modernismo é " mundanismo".

2. Não sacralizar os métodos.

"Ao compasso dos tempos" significa também que não devemos colocar os métodos acima da mensagem que devemos transmitir. Cada geração possui características próprias que devem ser respeitadas ao se transmitir a mensagem da SALVAÇÃO, e nós, jovens evangélicos, devemos estar atentos a isso. Paulo nos mostra em I Co 9:22 que: " Fiz-me fraco para com os fracos, com o fim de ganhar os fracos. Fiz-me tudo para com todos , com o fim de, por todos os modos, salvar alguns."

Compreender a cultura na qual estamos inseridos é fundamental para falar do evangelho. Se não tivermos este cuidado, corremos o risco de colocar o método acima da mensagem e então perderemos muito do impacto do seu conteúdo. O método não é mais importante do que a mensagem, nem do que a pessoa que pretendemos alcançar.

É exatamente aqui, depois desse primeiro ponto, que os questionamentos começam com maior intensidade, pois se tenho que fazer-me de tudo para com todos, como saber se não darei mau testemunho Glauce?? Até onde podemos ir em minha contextualização?

Vamos seguir para a nossa segunda parte. Lá encontraremos a resposta.(assim eu espero, até a próxima.)



... continuaremos com o II tópico

Enquanto isso meditem. II Co 10:1-6; Tt 2:11-14, Mt 5:14-16




Postagens mais visitadas deste blog

Rainha ou Submissa?

Roupas X Tipo de Corpo

Cortes de Cabelo